Biodiversidade

34
Um dos locais com maior diversidade de paisagens do nosso país. Seus vales e serras formam incontáveis cenários de beleza única, repletos de cachoeiras, além do magnífico Lago da Represa Mascarenhas de Moraes (antiga Represa de Peixoto). É formada por uma cadeia de serras famosas, entre as quais, Branca, Preta, Babilônia, entre outras, consideradas pelos ecologistas que as visitam, maravilhas de um Santuário Ecológico. Em todas as suas serras, o turista se surpreende tanto com as paisagens vistas do alto de seus morros, quanto com os vales, chapadões e planaltos, contornados por conjuntos hidrográficos riquíssimos. São inúmeras fontes termais, belíssimas cachoeiras e maravilhosas piscinas naturais. Há também o turismo rural, com passeios em fazendas, onde se pode ver de perto a tiragem do leite in natura a fabricação da pinguinha do alambique, saborear o legítimo queijo minas, doces caseiros e a comida no fogão da lenha.
Delfinópolis é um dos locais com maior diversidade de paisagens do nosso país. Seus vales e serras formam incontáveis cenários de beleza única, repletos de cachoeiras, além do magnífico Lago da Represa Mascarenhas de Moraes (antiga Represa de Peixoto). É formada por uma cadeia de serras famosas, entre as quais, Branca, Preta, Babilônia, entre outras, consideradas pelos ecologistas que as visitam, maravilhas de um Santuário Ecológico. Em todas as suas serras, o turista se surpreende tanto com as paisagens vistas do alto de seus morros, quanto com os vales, chapadões e planaltos, contornados por conjuntos hidrográficos riquíssimos. São inúmeras fontes termais, belíssimas cachoeiras e maravilhosas piscinas naturais. Há também o turismo rural, com passeios em fazendas, onde se pode ver de perto a tiragem do leite in natura a fabricação da pinguinha do alambique, saborear o legítimo queijo minas, doces caseiros e a comida no fogão da lenha.

 

 

Delfinópolis conta com mais de 150 opções de cachoeiras espalhadas em meio a serras e vales, formando rios de águas cristalinas que compõem um cenário de rara beleza. As mais procuradas e famosas são a Cachoeira do Dr. Pinto, do Ézio, do Complexo do Claro, do Paraíso, estas são as mais próximas da cidade. Seguindo a estrada principal a Cachoeira do Luquinha e Lobão e o Paraíso Selvagem são convidativas a um mergulho revigorante, seguindo sentido Sul do Parque Nacional da Serra da Canastra, na Serra da Babilônia, localiza-se a Cachoeira da Maria Augusta, do Complexo do Vale do Céu e a do Quilombo. No Vale da Gurita encontram-se Cachoeiras belíssimas como a da Maria Concebida, conhecida como Maria das Águas Quentes, a do Zé Carlinho e a Cachoeira do Ouro. Todas estão em propriedade particular e oferecem suporte aos visitantes. Para o acesso as cachoeiras, Delfinópolis oferece diversas trilhas, nos mais variados níveis de dificuldade, um visual deslumbrante, que faz de Delfinópolis um Paraíso Ecológico. Uma das trilhas mais famosas e reconhecidas pelo GUIA QUATRO RODAS é a Trilha da Casinha Branca: são 10 km de caminhada pela Serra Preta, tendo como cenário de fundo a represa de Peixoto, tem em seu percurso as Cachoeiras do Complexo do Paraíso (Triângulo, Lambari, Borboleta, Coqueirinho, Paraíso, Vai Quem Pode), essa trilha é de dificuldade média. Outras trilhas também são muito procuradas pelos turistas, como a do Pico Dois Irmãos, Chora Mulher, Roladouro, Galheiros, Chapadãozinho, Condomínio de Pedras. Uma dica para quem busca paz espiritual em contato com a natureza é a travessia para a Casca Das Anta à pé. São três dias de percurso por locais fascinantes. Para liberar a adrenalina, a cidade oferece áreas propicias para os esportes de aventura, como canyoning, trekking, mountain-bike, motocross, off- road e pesca esportiva. O município não possui Agência de Turismo para as Atividades de Turismo de Aventura, elas são realizadas por algumas pousadas. A recomendação é que sejam realizadas com segurança e responsabilidade.